Transcrevemos abaixo a Carta da Missionária Raiza Freitas que participou da turma 2011 do Projeto Flechas Para as Nações e esteve trabalhando no Campo de Aquidauana-MS

__________________________________________

05 de janeiro de 2012

Louvado seja Deus por sua graça e sua misericórdia!

A palavra que define 2011 pra mim é VITÓRIA!

No início do ano Deus colocou em minhas mãos uma decisão muito importante, que mudaria completamente minha vida. Ir para a escola de missões Flechas para as Nações ou não. Havia alguns empecilhos, mas nada que fosse tão difícil para o Senhor dos Exércitos resolver, eu estava no final da faculdade e minha família não era favorável que eu trancasse.

Por fim tomei a decisão e meus pais abençoaram minha opção. Uma semana antes do início das aulas eu decidi fazer Flechas, a princípio só o curso de cinco meses. A Escola foi um tempo maravilhoso! Começou fácil, professores muito especiais, uma biblioteca a nossa disposição, comida de Sosô, irmãos queridos, mas o inverno chegou. Comecei a perceber uma desordem muito grande dentro de mim, marcas de um passado numa família turbulenta. Pensei em desistir, mas decidi me quebrantar e deixar Deus agir, afinal a persistência é a característica dos vencedores. E assim aconteceu! Deus operou poderosamente em mim, recebi o equilíbrio e a cura que tanto precisava. E ganhei uma nova família… a família Flechas!

Em Julho novamente tive que conversar com meus pais sobre uma nova decisão que eu precisava tomar, eu queria ir para o campo, mas novamente encontrei oposição da parte deles, que acabaram aceitando. O tempo de campo foi ainda melhor que o da escola, vi o que Deus pode fazer através de nós quando nos dispomos. Fui fazer missões no Mato Grosso do Sul durante 4 meses. Trabalhamos em 7 cidades, ganhamos almas para Jesus em cada lugar em que estivemos, visitamos doentes, demos amor a crianças carentes, trabalhamos muito e fizemos amigos para a eternidade.  Enquanto estava ali Deus operava através de mim, foi um tempo de doação, doação de tempo, de amor, de orações, de clamores,  e Deus é tão perfeito que enquanto eu trabalhava pra Ele, Ele continuava a operar em mim. Recebi muito ali, muito amor do Senhor e daquelas pessoas, muita satisfação, experimentei uma alegria sobrenatural que agora me acompanha, conheci Deus de outra forma e hoje confio muito mais nele. Posso dizer que 2011 foi o melhor ano da minha história até aqui!

Não me arrependo de ter trancado a faculdade, nem de ter investido esse ano no Reino de Deus. Para o mundo seria uma perda, mas no Reino de Deus as coisas são diferentes, é perdendo que se ganha! Estou voltando para a faculdade em 2012, mas minha perspectiva já não é mais a mesma, agora, de fato, vivo Mt.6.33, em minha vida o Reino de Deus está em primeiro lugar. Quanto ao futuro, tenho a certeza de que todas as outras coisas me serão acrescentadas, e o meu Deus suprirá todas as minhas necessidades, em glória. E Deus me abençoará para que eu invista em missões!

                                                                                                 Raiza Freitas (missionária em Aquidauana – MS)