RIO – O governador Sérgio Cabral fechou a semana com mais uma polêmica. Após defender a legalização do aborto e dizer: “quem aqui não teve uma namoradinha que teve que abortar?”, Cabral defendeu, nesta quinta-feira, a legalização do jogo no Brasil.

– O jogo tem problemas muito maiores quando é ilegal. Chega de demagogia. A idéia é estabelecer regras rígidas e controle – declarou o governador, durante a entrega de veículos para entidades de assistência social financiados por verbas da Loterj.

Em seu discurso, Cabral disse que o Brasil é o único país que não tem o jogo oficializado. Ele citou os Estados Unidos, países da Europa e a China, onde esta prática é legalizada. Ele acrescentou que, se houver regras, medidas e controle, é possível obter verbas como as doadas pela Loterj, para entidades como o Rio Solidário.

Na última terça-feira o plenário da Câmara derrubou, poor 212 votos a 144, o projeto que legalizava as casas de bingo no país. A votação foi tensa , com deputados revezando-se em discursos acalorados contra e a favor da liberação.