Médico cubano denuncia escravidão promovida pelo governo brasileiro